27.9.04

“Cafeína”

Fui fazer um samba lento
na calçada de Copacabana
abençoada pelas palmeiras
beijada pelo mar.
Foi um samba dessedado
das águas de coco fresco (bem)
acalentado de caldo de feijão
abafado pelo olhar dos pivetes.
Fui fazer o samba justo
na injustiça dos cacetes
onde a vida cheira mal
e a comida sabe bem.
Esse samba é assim
tão lento
que o lamento é
já um dançar.

Francesco Giugliano
Rio de Janeiro, 16.12.’03


Comments: Enviar um comentário

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?